Marketing Internacional: Fique Por Dentro do Assunto



Marketing Internacional: Fique Por Dentro do Assunto
Marketing Internacional

Quer trabalhar com importação e exportação? Aprenda marketing internacional e maximize seus resultados! Fique ligado e não perca nada das informações.

Investir em marketing é essencial para as empresas que desejam aumentar a sua visibilidade, o seu número de vendas e sua lucratividade. Há quem pense que só as grandes empresas devem investir na divulgação da sua marca e produtos, mas não é bem assim, esta medida só traz benefícios, independente do porte do empreendimento.




Estude antes de qualquer forma de marketing os 4 ps do marketing, ele é o pilar base de qualquer marketing que for aplicado.

Existem diversas subcategorias de marketing, dentre elas podemos encontrar o marketing internacional, o qual está cada vez mais sendo aplicado. Afinal, o mundo dos negócios está cada vez mais globalizado, o que exige que as empresas expandam as suas atividades com fornecedores e compradores internacionais.

Quando uma marca passa a comercializar em outros países, ela também deve estar preparada para fazer o marketing internacional, pois é necessário criar uma boa reputação e atrair a fatia de público que é do seu interesse.

Como o marketing internacional causa bastante “desconforto” e dúvidas nos interessados em aprender, criamos esse texto voltado para o marketing internacional, aproveite!

O que é marketing internacional?

O conceito marketing internacional, também chamado de global marketing, é um conjunto de estratégias de divulgação, que são adotadas por empresas transatlânticas ou fronteiras nacionais, ou seja, que já estão ou almejam tornar a sua marca conhecida em outros países, o que possibilita atrair uma nova fatia de clientes.




marketing internacional é feito somente após um longo e detalhado estudo, que deve apontar qual é a viabilidade de divulgar a empresa e seus produtos em outros territórios, bem como se realmente irá trazer benefícios financeiros. Caso o estudo tenha resultados positivo, a partir daí é possível montar uma planejamento com um conjunto de ações de marketing internacional que devem descrever a marca, as mercadorias e os benefícios, levando em consideração o comportamento dos consumidores estrangeiros.

Importante salientar desde logo que uma das maiores dificuldades de empreendedores brasileiros no tocante ao marketing internacional é a pesquisa de mercado, porque além de costumes e necessidades diferentes, é realmente complicado conseguir fazer uma pesquisa apurada e “barata” em países estrangeiros, já que não terá seu “próprio pessoal” para realizar.

Qual é a importância do marketing internacional?

O marketing internacional é fundamental e talvez possa ser considerado até obrigatório para as empresas que pretendem expandir os seus negócios para outros países.

Normalmente essa expansão acontece quando a empresa está vivendo um momento estável e tendo um faixa de lucro bastante alta no seu país de origem, também é necessário haver uma sinalização de que há clientes estrangeiros interessados em consumir as suas mercadorias.

A partir do momento em que a empresa começa a fazer marketing internacional, ela se torna globalizada, o que aumenta as suas possibilidades de transações de compras e vendas. Não se pode deixar de destacar que o ‘ato de comprar’ de fornecedores estrangeiros também faz parte do marketing internacional, podendo, inclusive, representar mais lucro do que vender, já que poderá reduzir os custos ou até mesmo ocorrer o lançamento de um produto novo pela empresa.


Ao atrair um novo público, consequentemente a empresa também estará elevando o seu nível de comércio e obtendo maior lucratividade, além de ganhar respeito internacional e um bom posicionamento no mercado, o que lhe permite crescer cada vez mais.

Como aplicar o marketing internacional?

Não basta apenas conhecer o marketing internacional, é preciso saber utilizá-lo, somente assim conseguirá atingir os resultados. Isso é algo bastante comum de se ver, pessoas que “estudam e estudam” marketing internacional mas chega na “hora” não sabem como colocar em prática e fazer seu negócio crescer.

Por isso, resolvemos trazer uma espécie de passo a passo com o que você precisa fazer para criar o plano de marketing internacional.

Lembre-se também de trabalhar o marketing de relacionamento com os clientes que já possui, isso irá fidelizá-los.

1 – Planejamento de marketing internacional

Uma empresa deve ter sempre um planejamento, ainda mais em se tratando da realização de marketing internacional, uma vez que ela vai entrar em um território desconhecido, sendo necessário estudar o comportamento dos potenciais clientes, apresentar a marca, seus produtos e despertar nas pessoas a vontade de consumi-los.

Montar um planejamento é essencial para que a marca saiba qual é o seu ponto de partida e as metas que pretende atingir, quais são os possíveis transtornos que irão encontrar neste novo mercado e quais os facilitadores. Portanto, antes de qualquer coisa, a equipe de marketing deve estudar o país, o seu público-alvo e depois elaborar um plano detalhado de marketing internacional.

Além disso, o planejamento servirá como um facilitador, um caminho a ser trilhado, já que nele constará tudo que deverá ser feito, assim, basta segui-lo e adaptá-lo a medida que for necessário.




2 – Avaliar a aceitação da marca do país de interesse

Entrar no mercado internacional é um passo muito sério para uma empresa, logo, isso deve ser feito de forma meticulosa, pois do contrário poderá correr muitos riscos como, por exemplo, não atingir o público consumidor da maneira que pretendia, deixar a marca “queimada” no exterior e até mesmo ter prejuízos financeiros em razão do não retorno do investimento.

Por isso, a marca deve fazer um estudo para avaliar qual é a sua aceitação no país em que deseja comercializar. Um modo simples de executar esta atividade é levantar dados sobre qual é o índice de pessoas na região que consumiram as suas mercadorias nos anos, meses e com qual frequência. Se este número começou baixo e foi subindo ao longo do tempo de forma espontânea, significa que é um bom momento para investir no marketing internacional.

Conheça alguns métodos de avaliação de empresa.

Você não precisa tomar como base apenas os seus produtos que são comidos no país que deseja comercializar, afinal, muitas vezes você estará pensando se vale ou não a pena investir. O que se pode fazer nesses casos é analisar a quantidade de produtos iguais ou semelhantes ao seu que são consumidos na região, bem como se a demanda está em ritmo crescente.

3 – Estude o comportamento do público consumidor estrangeiro

É impossível ter uma relação bem sucedida de compra e venda com um público se a empresa não sabe como ele se comporta e o que espera da marca. Os indivíduos de cada comunidade possuem as suas particularidades, sem contar que a sociedade em que estão inseridos interfere no seu comportamento.

A equipe de marketing tem que fazer um estudo minucioso sobre quem é o seu público-alvo no exterior, qual é a sua faixa etária, qual classe econômica pertence, quais são os seus hábitos de consumo, entre outras informações relevantes que possam ser usadas nas campanhas do marketing internacional dos produtos da marca. Essa é uma das ferramentas de marketing mais importantes, a qual será responsável direto pela efetivação das compras.

Estude também as técnicas de vendas que tem maior potencial para o público-alvo, acredite, cada país tem culturas diferentes e, consequentemente, técnicas de vendas que trazem melhores resultados.

4 – Faz parte do marketing internacional estudar o ambiente econômico

Estudar o ambiente econômico do país de interesse é essencial para minimizar os riscos de fracasso do marketing internacional. Isso é obrigatório, pois há casos em que a empresa está vivendo um bom momento no seu país de origem, o que a leva a cogitar expandir os negócios, mas o território estrangeiro está vivendo uma crise na economia, o que irá frear o consumo neste local, fazendo com que o lançamento da sua marca não seja atrativo.

Portanto, é necessário desenvolver um estudo exclusivo para avaliar a situação econômica do país, se ela é estável, tem boas perspectivas de crescer ou corre riscos de enfrentar crises em um futuro próximo. Todos estes dados são importantíssimo para que a empresa se lance em um novo mercado no momento certo e com precaução.

5 – Faça um levantamento da concorrência local

Antes de se posicionar no mercado internacional, a marca precisa fazer um levantamento da concorrência local, sendo necessário analisar quais são as empresas que atuam no mesmo setor, quais são as mais e menos lucrativas, o que oferecem de igual e de diferente dos seus produtos.

Depois disso é recomendado reestruturar o seu menu de produtos, formas de pagamento e atendimento, visando trazer algo completamente novo e atrativo para os seus possíveis consumidores.

6 – Elabore um planejamento de como entrar no mercado

O modo como entrar em um novo mercado pode ser o primeiro passo para ser bem sucedido. Sendo assim, depois de estudar todas as questões que envolvem a disponibilização dos seus produtos em outro território, é o momento de elaborar um planejamento especial de como começar a comercializar.

Nesse ponto, estude técnicas de negociação, irão facilitar bastante o planejamento.

O ideal é montar uma ação de inauguração que seja capaz de impactar e chamar a atenção do seu público-alvo. Ofereça algo inédito e bastante vantajoso. A campanha deve estar no site da empresa e em pontos físicos estratégicos do país, sendo preciso usar a linguagem dos seus consumidores em potencial.

Também, lembramos que vale sempre estar atualizado nas notícias sobre exterior, assim estará ateno a economia dos países que lhe interessa.

Já fez o seu marketing internacional? Conte-nos o resultado!




FIQUE ATUALIZADO!

Receba Sacadas de Negócios Diretamente no Seu E-mail!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here