Avaliação de desempenho Chiavenato: Saiba Mais



Avaliação de desempenho Chiavenato: Saiba Mais
Avaliação de desempenho Chiavenato

Quer melhorar a sua empresa e ter funcionários que realmente merecem estar nela? Conheça como fazer a avaliação de desempenho Chiavenato!

Você gostaria de trabalhar em uma empresa que valoriza e orienta o seu funcionário ou em uma que simplesmente o troca quando não se ajusta aos moldes? Muito provavelmente a sua resposta é a primeira alternativa. Pois saiba, que há algumas décadas as instituições tratam os seus colaboradores como máquinas, que poderiam perfeitamente ser substituídas quando não estivessem operando dentro do esperado.




Mas, ao longo do tempo, este conceito foi se modificando, surgindo inclusive a avaliação de desempenho, que torna mais humanizada a relação entre a empresa e o trabalhador, deixando de descartá-lo e acompanhando o seu desempenho, fornecendo orientações para que ele se sinta estimulado a trabalhar em consonância com os objetivos da corporação.

Essa forma de gerir os funcionários costuma ser responsável por maximizar os lucros da empresa e otimizar a produção, basicamente por dois motivos: motivação dos funcionários e por “girar” poucos funcionários, mantendo colaboradores que acumularam conhecimento. Uma empresa “de baixa produção” e qualidade, normalmente tem entrada e saída de funcionários frequente, consequentemente, muitos deles com pouca experiência e conhecimento da atividade.

Avaliação de desempenho Chiavenato tem este nome devido ao fato de ter sido criada e aprimorada pelo professor, Idalberto Chiavenato, que apresentou uma proposta de substituição dos métodos convencionais de análise dos funcionários pelo conceito de intuição prática, flexibilidade, valores e liderança.

Para você que trabalha com a gestão de pessoas e precisa atualizar os seus conhecimentos, montamos esse texto exclusivo com as informações mais importantes sobre o método de avaliação de desempenho Chiavenato e como aplicá-la. Aproveite!

O que é a avaliação de desempenho Chiavenato?

Podemos entender como conceito de avaliação de desempenho Chiavenato uma crítica sistemática do desenvolvimento de cada colaborador, bem como o seu potencial desenvolvimento para o futuro.




Essa técnica tem como intuito julgar o valor do trabalho prestado e do funcionário em si, ou estimulá-lo de modo a orientá-lo para que ele entre em harmonia com a filosofia da empresa.

A aplicação da avaliação de desempenho Chiavenato é feita em etapas, pois o resultado final vem da soma de pontos isolados. Este processo se caracteriza por ser mais humanizado, usando os conceitos de intuição prática, flexibilidade, valores e liderança, que são quesitos fundamentais para constatar qual é o tipo de comportamento que o funcionário apresenta dentro da empresa, o que pode ser feito para ampliá-lo ou corrigi-lo.

Perceba que essa técnica de avaliação de desempenho Chiavenato não tem como foco o grau de produção do funcionário, mas sim o seu comportamento, já que o intuito é encontrar pessoas que realmente “vestem a camiseta” da empresa.

Qual é a importância da avaliação de desempenho Chiavenato?

A adoção do método de avaliação de desempenho Chiavenato é importante para que a empresa conheça os funcionários, analisando as suas características profissionais e pessoais. A partir daí, é possível compreender porque as atividades estão sendo realizadas de uma determinada maneira e alcançando tais resultados, o que favorece a elaboração de planejamentos e a valorização dos bons colaboradores.

Se você trabalha com a gestão de pessoas, provavelmente sabe o quanto é complicado fazer uma avaliação de desempenho assertiva e funcional. Porém, o uso da avaliação de desempenho Chiavenato traz mais praticidade para a área de Recursos Humanos da corporação, permitindo que a relação entre o funcionário e empresa seja estreitada, gerando mais liberdade e confiança entre as suas partes.


Como aplicar a avaliação de desempenho Chiavenato:

Que a avaliação de desempenho Chiavenato humaniza a relação entre a empresa e o colaborador, trazendo praticidade você já sabe, então, é o momento de aprender como aplicá-la, fazendo adaptações que correspondem área de atuação da empresa.

1 – Assiduidade do colaborador na avaliação Chiavenato

Quem é gestor sabe o quanto é complicado trabalhar em uma empresa em que os funcionários vivem faltando, isto compromete diretamente a produtividade e desempenho da empresa, além de deixar outras pessoas sobrecarregadas e insatisfeitas.  Portanto, promover a avaliação da assiduidade do funcionário é essencial para analisar o comprometimento dele com o trabalho.

Esse quesito também pode ser levado em consideração no momento das entrevistas de ingresso do funcionário na empresa. Você sabe a importância do recrutamento e seleção interna?

Para verificar qual é o nível de assiduidade do funcionário é necessário checar o cartão ponto, no qual fica registrado o horário de entrada e saída. Então, caso o colaborador não falte é porque está comprometido com o trabalho, se falta com frequência é sinal de que algo está errado, devendo ser chamado para uma conversa, em que se pode questionar os motivos da falta e orientá-lo a ser mais assíduo. Caso o problema persista, tem-se que tomar uma decisão mais drástica, como a demissão ou redução do salário devido às faltas injustificadas.

Esteja sempre atento aos encargos trabalhistas, afinal, você não deseja ter de pagar uma verba indenizatória em possível reclamatória trabalhista, correto?

2 – Pontualidade do funcionário

Embora o prejuízo seja em menor grau, a falta de pontualidade do funcionário também é capaz de causar transtornos à empresa como, por exemplo, atrasos e acumulação de tarefas. Logo, a avaliação de desempenho Chiavenato também cumpre o papel de analisar se o colaborador chega à empresa no horário estabelecido ou costuma se atrasar.

É importante que a pessoa responsável por realizar a avaliação Chiavenato seja ‘flexível’, pelo menos nos casos que deva ser. É possível que o funcionário se atrase seguidamente por algum problema em especial que possa ser resolvido, como horários de ônibus, trânsito ou até mesmo problemas familiares.




Esta informação traz praticidade para verificar o comprometimento do empregado com o seu trabalho. Se a avaliação apontar que ele não é pontual, o ideal é descobrir qual é a razão dos atrasos, caso ele ocorra por culpa do funcionário ou de outras questões como, por exemplo, o trânsito. Posteriormente, indica-se buscar uma solução que agrade e traga benefícios para as duas partes.

Normalmente, nesses casos, uma dispensa não é a melhor solução! É comum empresas terem bons resultados nesses quesitos com a aplicação de técnicas de coaching.

3 –  Capacidade de trabalhar em equipe é importante na avaliação Chiavenato

Ninguém vai muito longe sozinho, muito menos uma empresa, não é mesmo? Para que uma corporação seja bem sucedida em todos os setores, ela precisa contar com funcionários que saibam trabalhar em equipe, sabendo respeitar as diferenças e dar ideias que vão de encontro ao que o grupo precisa para executar as suas atividades. Esse quesito tem um forte “peso” na avaliação de desempenho Chiavenato.

Ao analisar o comportamento individual do colaborador dentro da equipe, o gestor tem que levar em consideração qual é o seu nível de participação, capacidade de esclarecer dúvidas e ajudar os seus colegas, também, se o mesmo sabe aceitar críticas e faz críticas construtivas, consegue conversar para resolver eventuais problemas.

Essas respostas ajudam a descobrir se o funcionário é um ponto forte da equipe ou atrapalha o desenvolvimento das atividades e de seus companheiros.

Aconselha-se fazer avaliações psicológicas dos funcionários, isso irá facilitar no momento de analisar as respostas desses dados.

4 –  Frequência de criatividade

As empresas estão correndo atrás de profissionais que tenham criatividade e que possam canalizá-la em prol dos seus negócios. A avaliação de desempenho Chiavenato também serve para identificar se o funcionário é criativo e aplica esta característica nas suas tarefas profissionais.

Nesta etapa, o importante é que seja analisado com que frequência o colaborador usa a sua criatividade e inovação, apresentando novas ideias para o seu grupo de trabalho, busca melhorar aqueles métodos que já existem e se as sugestões criativas realmente surtem resultados positivos. Este é um quesito essencial para sondar a possibilidade de dar promoções e novas responsabilidades ao bom funcionário.

5 – Nível de produtividade

O nível de produtividade é uma das principais questões da avaliação de desempenho Chiavenato, sendo capaz de medir através de dados concisos o quanto o colaborador está contribuindo para com o desenvolvimento da empresa, o que também aponta o seu valor dentro do ambiente de trabalho.

Claro, para conseguir descobrir esses fatores é preciso trabalhar o controle de produção, mas, provavelmente, sua empresa já possua um especialista na área, correto? Caso não tenha, está na hora de contratar, pois é um setor importantíssimo.

Sendo assim, a avaliação de desempenho Chiavenato tem que analisar quais foram os resultados positivos e negativos alcançados pela pessoa nos últimos meses, qual o seu volume de concretização de tarefas diariamente, semanalmente e mensalmente. A partir daí, a empresa  pode constatar se o indivíduo está tendo um rendimento satisfatório e dentro do esperado.

6 – Capacidade de resolução de problemas na avaliação Chiavenato

Sabe quando “estoura aquela bomba” na empresa e ninguém sabe o que fazer? Então, é justamente esta situação que as empresas não querem dentro do seu ambiente de trabalho. Portanto, durante a avaliação Chiavenato é preciso identificar se o funcionário tem a capacidade de resolver os problemas que surgem no seu setor.

O processo de avaliação deve apontar se o colaborador não se intimida diante de situações inesperadas, como é seu posicionamento, como se impõem na frente dos problemas e se sabe assumir riscos, sabe estudar as possibilidades de ações e não age no desespero, tem resiliência, ou seja, supera algo ruim e transforma em bom. Com estes resultados em mãos, pode-se escolher novos líderes.

Conheça nosso texto sobre liderança.

Importante salientarmos que existem dezenas de formas de avaliação de desempenho, por isso, é interessante procurar pela que se adapta melhor à sua empresa.

Está pronto para aplicar a avaliação de desempenho Chiavenato?




FIQUE ATUALIZADO!

Receba Sacadas de Negócios Diretamente no Seu E-mail!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here