Como motivar uma equipe



Como motivar uma equipeHá diversos motivos de como motivar uma equipe, pode ser pelo fato do clima e cultura organizacional, segurança no trabalho e até remuneração.

A fórmula parece simples, mas na verdade é cada vez mais complexo trabalhar com uma equipe e motivá-la, apesar dos desafios empresariais, necessidades de mudanças, crises e outros fatores.




Cultura organizacional

Uma empresa com colaboradores motivados possui uma cultura voltada para a liderança, participação com objetivos e metas.

Especificando cada fator motivacional começaremos pela liderança.

De forma conceitual a liderança consiste na frequência com que um colaborador influencia ou dirige um grupo de forma ativa e inspiradora.

Liderar não é só gerir ou dirigir, mas saber unir e manter a equipe unida com os mesmos propósitos.

Liderança é um fator importante para o desenvolvimento da empresa, pois está intrinsecamente relacionado ás pessoas da organização com competências bem próprias que são aquelas ligadas á inteligência emocional, capacidade de perceber o ambiente e de integrar, unir fazendo com que todos compartilhem os mesmos objetivos.




A liderança não está relacionada a cargos de direção, mas é importante para a empresa que ela surja na alta direção ou gerência, pois profissionais que podem tomar decisões importantes e liderar a equipe faz com que essa combinação tenha ótimos resultados.

Para uma liderança eficaz a gerência deve manter uma gestão capaz de:

  • Não ignorar a influência que as decisões têm sobre os subordinados;
  • Gerir a equipe de forma eficiente.

Gestão de equipes

Antes de motivar as equipes é necessário saber gerir com eficiência as equipes, de modo que a liderança saiba dirigir e ler a equipe, entendendo as necessidades de motivação, necessidades de desenvolvimento de competências e outros fatores importantes na gestão de pessoas.

O mapa para a gestão de equipes sugere a seguinte estrutura:

  • Planejar – o processo de planejamento requer a dedicação e comunicação para que a liderança coloque a equipe a par de todos os objetivos, com previsões e análise dos problemas.

Os problemas e desafios que podem ser analisados na gestão de equipes são aqueles que estão voltados para a própria estrutura de pessoal, e está relacionado à gestão de competências e ao desempenho dos colaboradores.


Após o planejamento vem à etapa de organização. A organização das equipes resume as atividades para alcançar objetivos comuns como qualificação, desempenho, métodos de avaliação e de plano de carreira, que são objetivos voltados para gestão de equipes e que resulta em motivação e benefícios para toda a empresa.

A etapa de influência tem como objetivo comunicar de maneira eficaz todos os objetivos da empresa e alinhá-los aos interesses das equipes.

Esta etapa de influência é, portanto, a mais desafiadora e requer uma liderança eficiente em comunicar e ouvir a equipe buscando soluções, resoluções de conflitos, inspiração para obtenção de bons resultados nos programas de qualidade e outros.

  • Controle – toda mudança ou melhoria requer controle, controle nas seleções, recrutamento, desenvolvimento da equipe e desempenho, é necessário medir e controlar, sem o devido controle não existe gestão.

Motivação nas equipes

A motivação das equipes exige técnicas e métodos que beneficiarão a todos e que representará para a empresa uma equipe mais motivada e homogênea, como também mais participativa e com maior potencial para soluções de problemas, ou seja, uma equipe empreendedora.

A primeira etapa que já mencionamos e voltamos ao assunto devido á sua importância é sobre a formação de equipes, com a seleção de profissionais que tenham um perfil potencial para a automotivação e que ainda seja uma equipe multidisciplinar com profissionais de várias áreas, vários estilos de se trabalhar e várias competências.

Outras questões importantes para motivar uma equipe

A aprendizagem cooperativa – aprender em conjunto é mais benéfico para a equipe e para a empresa, pois representa melhor custo benefício, com o aumento da curva de aprendizagem e melhor desempenho na produção.

As melhores formas de aprendizagem em conjunto são aquelas em que a equipe possa aprender com participação, aprender com os erros, e para isso a empresa deve investir em endomarketing, com ações como: treinamento, palestras, workshops e outros.




  • A flexibilidade das organizações

Um ambiente em que as mudanças e a busca pela solução são constantes é um ambiente em que a flexibilidade é mais praticada, onde há mais diálogo e busca pela resolução de conflitos e homogeneização de interesses, esse ambiente flexível faz com que a organização seja mais propício á motivação dos colaboradores.

  • Fatores motivacionais

A motivação não acontece por acaso, precisa de vários fatores para que se desenvolvam, fatores como m ambiente criativo em que a participação é compartilhada na busca de soluções, com incentivo ás sugestões e novas ideias, um ambiente empreendedor e que torna o clima organizacional mais acessível, viável e adaptável. Portanto a criatividade é capaz de motivar.

Conhecer bem a organização e os departamentos, conhecer seus desafios e fracassos, como também os obstáculos que dificultam a comunicação, participação e comprometimento, todos esses obstáculos são desafios para a motivação e devem ser vencidos.

Os desafios e a competição saudável abre espaço para motivação e impulsiona atitudes mais proativas, portanto é necessário investir em projetos que integrem a equipe e torne possível o engajamento e competição saudável.

Outros fatores capazes de motivar são: comunicação eficaz dos desafios que precisam ser vencidos e ainda comunicação sobre metas e objetivos de desempenho que precisam ser alcançados.

Em contrapartida a liderança deve criar um clima de diálogo aberto que discuta problemas e que avalia de um desempenho bom ou insuficiente.

Prêmios pelo desempenho, programas motivacionais com opções de horários flexíveis, prêmios compartilhados como viagens, gratificação e outros benefícios em nome de um desenvolvimento eficaz de algum projeto ou programa que constituem um dos fatores mais eficazes para a motivação.

  • O feedback, elogios e críticas

Oferecer feedback é um dos mecanismos mais importantes para a motivação, mas o feedback é um instrumento a ser utilizado de forma sistemática, de forma que o feedback deve orientar, dirigir e sustentar um sistema ou método de atuação e nunca para criticar o elogiar.

O feedback possui utilidade mais ampla que um simples elogio ou críticas, ele deve ser ainda esclarecedor e eliminar dúvidas sobre tarefas, desempenho e formas de se trabalhar, deve ser útil para eliminar a ansiedade que certas situações ou tarefas possam gerar, e assim eliminar possíveis conflitos ou constrangimentos.

  • Elogiar

Elogiar é sempre bem vindo, encoraja, estimula e faz com que os colaboradores diferenciem o que é um bom desempenho ou não.

E no momento de criticar o líder deve avaliar toda a situação, ser compreensivo e não exigir o impossível, pois as críticas perdem a credibilidade quando o líder não considera as condições de trabalho.

Criticar deve ser em “off”, pois o líder critica o colaborador e quando se critica a equipe, o que é mais eficiente, entende-se que todos podem cometer o mesmo erro e assim esse erro deve ser evitado por todos.

E não se esquecer de lembrar os pontos positivos, afinal todo mundo tem qualidades.

Para saber como motivar uma equipe, é preciso ter dedicação, atenção e liderança, além de uma estrutura eficaz e uma organização que proporcione um clima organizacional propício.




FIQUE ATUALIZADO!

Receba Sacadas de Negócios Diretamente no Seu E-mail!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here