Diagnóstico organizacional



Diagnóstico organizacionalCom a competitividade crescente em todos os setores empresariais, a avaliação empresarial é uma fonte de diversos estudos, pesquisas e discussões no meio empresarial, assim, o diagnóstico organizacional é imprescindível para o desenvolvimento das empresas de forma isolada e como pertencentes a um sistema de gestão.

Conceito de Diagnóstico organizacional

A palavra diagnóstico significa ação de examinar, discernir, conhecer e no mundo empresarial, não é diferente, pois diagnosticar significa conhecer e avaliar diversos fatores empresariais.




Diagnóstico organizacional é um mecanismo que visa avaliar e detectar nas organizações o desempenho ou falhas que comprometem o crescimento e desenvolvimento das empresas ou setores.

O diagnóstico organizacional visa também a avaliação dos modelos de gestão e posterior implantação de modelos, sistemas e métodos.

O diagnóstico organizacional nas empresas

O diagnóstico organizacional nada mais é do que uma atividade empresarial de importância crucial, pois busca discutir questões relevantes para a empresa no médio e longo prazo e que tem consequências táticas, estratégicas e até operacionais.

As empresas podem realizar seu diagnóstico organizacional a partir de pesquisas, relatórios, levantamentos que podem trazer consigo dados estatísticos e informações imprescindíveis para a avaliação empresarial.

Este diagnóstico organizacional pode nortear diversos setores da empresa: gestão da produção, vendas, contabilidade, compras, Recursos Humanos e etc.




A função do diagnóstico organizacional, portanto é estruturar de forma viável, sistemática e organizada soluções para os problemas empresariais.

Devido á importância de um diagnóstico organizacional, empresas de todos os setores e portes devem realizar diagnósticos.

Como realizar um diagnóstico

A realização de diagnóstico organizacional deve ser uma atividade organizada, estruturada e que avalie setores em um espaço de tempo. Ou seja, a empresa pode e deve realizar diagnóstico nos seus vários departamentos. O diagnóstico deverá ser realizado também para avaliação de processos, negócios e seus respectivos desempenhos.

Os vários tipos de diagnóstico organizacional são:

-Diagnóstico geral: como o nome já sugere, o diagnóstico geral contempla todas as áreas da empresa, com intuito de analisar fatos, dados, levantamento de números e outros.


-Diagnóstico financeiro: o diagnóstico financeiro se detém a levantar apenas dados financeiros, com análise de balanços, com exame de documentos financeiros e contábeis, como balanços, demonstrativos e avaliação geral de ativos, passivos, reservas, lucros, prejuízos e outros. O diagnóstico financeiro deve ser realizado em um espaço de três anos, para esse diagnóstico podem ser utilizados não somente documento contábil, mas também documentos como relatórios, planilhas, anotações e etc.

-Diagnóstico da produção: a produtividade e qualidade nos produtos ou serviços oferecidos pelas empresas é uma preocupação recorrente, por isso, o diagnóstico da produção organizacional deve avaliar questões como: eliminação de desperdícios, fluxo de produção, melhoria de processos, planejamento, aumento da produção e outros.

-Diagnóstico de vendas: a função vendas envolve diversos esforços e investimento empresariais, por isso, realizar um diagnóstico organizacional é fundamental para o desenvolvimento e detecção de problemas empresariais quanto à função vendas. O diagnóstico organizacional visa eliminar problemas e desafios ligados á políticas gerais de vendas, problemas como preços, qualidade de produtos, problemas com atendimento, entregas, mão de obra e outros.

-Diagnóstico de sistema de informação: os sistemas de informação representam atualmente um desafio tanto para a produtividade quanto para a competitividade empresarial, pois empresas com melhor desempenho em sistemas de informação conseguem responder de forma mais rápida ao mercado. Por isso, o diagnóstico de sistemas de informações deve ser um das atividades principais das empresas. No diagnóstico de sistema de informação as empresas devem avaliar como os sistemas de informação respondem ás necessidades da empresa e planejamentos tático, estratégico e operacional. O diagnóstico de informação visa também avaliar desempenhos de informação, dados, sistemas e investimentos.

O diagnóstico organizacional deve ser útil para auxiliar gestores nas tomadas de decisões para questões cruciais das empresas.

Ao realizar um diagnóstico organizacional é necessário tomar o cuidado de levantar em uma série histórica para comparações de diversos dados e informações, e assim analisar qual o comportamento empresarial.

Portanto, o diagnóstico organizacional deve definir para gestores e interessados com uma visão de empresa que seja clara, atualizada, comparável e sistêmica.




Funcionamento do diagnóstico organizacional

Os envolvidos na tarefa de diagnosticar empresas devem ver o diagnóstico como uma atividade pontual e com objetivos próprios, por isso, é necessário respeitar um roteiro para realização do diagnóstico organizacional, um roteiro com formulação dos problemas.

A formulação dos problemas funcionará como um norte em que o diagnóstico deverá ser desenvolvido.

Outras etapas do diagnóstico organizacional são: levantamento de dados, análise de informações e pareceres.

É necessário, portanto, que dados e informações não representem um empecilho para a formulação de um diagnóstico confiável.

Objetivos do diagnóstico organizacional

O diagnóstico organizacional só será útil se realizar um levantamento de questões das diversas dimensões empresariais como: estratégia, estrutura, dinâmica empresarial e recursos como tecnologia, Recursos Humanos, sistemas e variáveis interdependentes. Isso porque, através de um levantamento integrado de várias variáveis empresariais é que as organizações terão uma visão concreta do contexto organizacional e como a empresa está inserida no setor de atuação.

É objetivo maior de o diagnóstico organizacional investigar como a empresa poderá alinhar processos organizacionais ás necessidades de melhoria da qualidade como um todo.

As dimensões empresariais em que o diagnóstico organizacional deve nortear sua análise são: estrutura, processos, pessoas, tecnologia e ambiente. Ou seja, avaliar o desempenho organizacional como um todo pode resultar em um diagnóstico que seja confiável, mesmo quando a empresa está avaliando apenas um departamento.

A sustentabilidade, ética são pilares nos quais o diagnóstico organizacional deve se pautar, sendo que a empresa pode também se pautar pela produtividade, a competitividade e alinhamento estratégico.

Entre os objetivos do diagnóstico organizacional estão:

  • A detecção de fatores que limitam o desempenho e crescimento organizacional;
  • Avaliação da estrutura, cultura e modelo de gestão organizacional;
  • Análise de comportamentos, clima organizacional e produtividade.

Portanto, o diagnóstico organizacional deve buscar entender onde a empresa está errando e como corrigir esses erros que impedem sua evolução e sucesso.




FIQUE ATUALIZADO!

Receba Sacadas de Negócios Diretamente no Seu E-mail!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here