Como gerenciar uma empresa



Como gerenciar uma empresaGerenciar uma empresa consiste em lidar com diversos processos para que sejam supridas as necessidades de dois sistemas fundamentais: sistema de organização e de produção.

Os sistemas de organização e de produção necessitam de dados e informações para que existam domínio e controle total da empresa.




Sistema de organização para gerenciar uma empresa

Esse sistema de organização requer planejamento, o planejamento basicamente deve prever e administrar recursos necessários que são os Recursos Humanos, orçamentários, materiais e outros.

Execução

Executar é colocar em prática todo o processo de planejamento, que deve atender ao fluxograma descrito em ferramentas de planejamento como o PDCA: planejar, fazer, checar e agir.

Para executar o plano de ação é necessário que os responsáveis conheçam a fundo todo o processo, sistemas envolvidos e operações e requisitos necessários para a execução. O gerenciamento requer atenção aos sistemas de organização e produção.

Os sistemas de organização para gerenciar uma empresa compreendem as seguintes etapas: planejamento, execução e controle.

O controle talvez seja um dos pontos mais essenciais para que o gerenciamento dê bons frutos, pois o controle requer atenção a todos os requisitos necessários para o processo de organizar e ainda como lidar com esses requisitos, já que as empresas têm a missão de controlar gastos, controlar a qualidade, como estão sendo oferecidos os produtos finais e como anda a satisfação dos clientes e etc.




Sistemas de produção para gerenciar uma empresa

Para o gerenciamento da produção, a empresa precisa lidar com o sistema de produção e as operações que consistem em entradas, processamento e saídas.

O papel do gerenciamento de entradas é alocar recursos e tratá-los com sustentabilidade e eficiência, para que os recursos alocados sejam suficientes para suprir as necessidades de produção e ainda diminuir os custos.

Já outro passo, é gerenciar o processamento, que por sua vez se torna complexo, pois necessita de melhorias, métodos e técnicas específicas para os sistemas de produção sejam eficientes com o melhor uso dos recursos, a fim de que o resultado final seja satisfatório.

A diferença entre gerenciamento da organização e produção, é que o gerenciamento da organização compreende as atividades burocráticas, administração, de instalação e de adaptação.

Já o processo de produção para gerenciar uma empresa consiste em atividades operacionais que tem como função reunir recursos, mão de obra e dados para que o desempenho dos processos de produção seja cada vez mais eficaz.


Para operacionalizar é necessário o conhecimento de todo o processo e aplicação de métodos e técnicas, pois, para que haja um gerenciamento eficaz é necessário que existam metodologias e processos capazes de organizar racionalmente todos os recursos necessários para o alcance dos objetivos, sem que haja desperdícios exagerados ou equívocos na escolha dos recursos escolhidos, quer sejam Recursos Humanos, capital, maquinário ou outros.

Alheios á importância de um gerenciamento para a organização e para a produção que muitos empresários falham nos primeiros dias de empreendimento.

Portanto, gerenciar uma empresa exige planejamento, dedicação e conhecimento científico.

A improvisação e a falta de profissionalismo rendem além de prejuízos e a dissolução mais rápida dos projetos.

Por isso, gerenciar é sim uma matéria complexa que requer estrutura, empenho, organização e autenticidade ao planejar, executar de forma estratégica e assim se tornar uma empresa competitiva.

Gerenciar é uma ciência e arte que vai além do gerenciamento da organização e da produção. É necessário também gerenciar colaboradores e o gerenciamento de crises e de mudanças.

Por isso, para gerenciar de forma competente é necessário levar em consideração o gerenciamento de equipes, com uma competente gestão de pessoas que seja capaz de capacitar, integrar e inspirar.




Gerenciar crises

Gerenciar equipes

Em primeiro lugar tenha em vista que se a empresa tiver uma equipe vencedora, a consequência é que a empresa encontrará vantagem competitiva e entre outros.

Mas em primeiro lugar é necessário gerenciar de forma que a equipe produza resultados, sem que o ambiente seja de controle e frustração.

Por isso, o gerenciamento de equipes é válido quando se trabalha com uma equipe brilhante e que seja capaz de dar o melhor de si, portanto é função da empresa selecionar esses trabalhadores tão competentes e ainda fazer com que essa equipe dê o melhor de si, e ainda seja comprometida e acredite nos resultados da empresa, Por tanto, os colaboradores devem acreditar que as vitórias da empresa são importantes também para sua vida pessoal e profissional.

Substitua comando por liderança e realize uma gestão que seja humana, honesta e participativa. Seja um líder que aprenda diariamente como lidar com as pessoas e que tenha acima de tudo, humildade para absorver o que a equipe necessita para continuar sendo brilhante. Faça o clima organizacional menos pesado e com maiores possibilidades de crescimento profissional.

Crie uma dinâmica de honestidade, de orientação, pois combinando essas duas características, o gestor consegue ter um ambiente de trabalho em que os colaboradores possam e estejam preparados a dar o melhor de si.

Com todas essas lições e dicas sobre gerenciamento geral, pode parecer simples gerenciar uma empresa, mas não é.

Muitas vezes, as empresas passam por momentos de crises e de necessária adaptação, por isso saber gerir crises é importantíssimo para gerenciar uma empresa de sucesso.

Os momentos turbulentos que passam as empresas exigem posicionamento de toda a equipe e capacidade de amenizar, organizar, estruturar, ou seja, gerenciar mesmo em momentos de crises.

As crises podem ser mais constantes do que se imagina, pois as empresas vivem em um constante ambiente de mudanças e adaptações, devido á globalização, tecnologia, otimização de processos e outros. E sem esquecer-se do fator humano, que inclui: o comportamento consumidor, clima organizacional e etc.

Com tantas mudanças no mercado, graças ao avanço da tecnologia, avanço nas tendências de consumo, avanço no grau de profissionalismo e atendimento ao cliente, todos esses fatores tornam difíceis que a empresa consiga acompanhar as tendências de mercado e evolua ou continue avançando.

As crises vividas pelas empresas podem ser de cunho interno ou externo, quando de cunho interno exigirá alto desempenho e comprometimento da alta administração em gerir de forma ética, fazendo o que for melhor para empresa e colaboradores.

E para as crises externas, a solução para gerenciar uma empresa é saber lidar com a macroeconomia que faz com que as empresas se adaptem às mudanças e tendências, e continuem crescendo com os requisitos necessários para manter a vantagem competitiva.




FIQUE ATUALIZADO!

Receba Sacadas de Negócios Diretamente no Seu E-mail!

2 COMENTÁRIOS

  1. Fred / Cara, Ultima vez que te incomodo.gostaria de saber se vc conhece algum aplicativo que aumente a captação do wifi, ou seja, melhorar a recepção do sinal de wi-fi coma finalidade de usar internet normal.existe?? conhece???

    :
  2. Muito obrigada pelo artigo! Claro que um negócio exige os passos necessários para crescer. Especialmente um bom planejamento. Pessoalmente, trabalho bastante com as ferramentas digitais como Kanban para melhorar o meu desempenho e aumentar a produtividade, o que me fez sentir mais tranquila e segura. Recomendo :))

    :

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here