Cadeia de Suprimentos: O que é, como fazer e dicas

0
523

Cadeia de Suprimentos: Aprenda Com Este Conteúdo Prático a Organizar sua Empresa e Produção

Estabelecer uma cadeia de suprimentos eficiente é necessário para todas as empresas que trabalham com a movimentação de produtos. Um negócio que produz ou vende mercadorias deve estar atento a todo o processo de manipulação destes itens, desde a compra da matéria-prima até a entrega ao consumidor final, pois agregar organização interna e externamente aumenta as possibilidades de garantir a satisfação do público-alvo.

cadeia de suprimentos
A cadeia de suprimentos é um processo de organização importante para a empresa, levando em consideração desde o estoque até a venda.

A cadeia de suprimentos é um método de gestão e logística que prevê e organiza todos os processos que são necessários para que a empresa possa entregar o produto pronto e com qualidade ao cliente, considerando desde a negociação com os fornecedores até o abastecimento do estoque. Acompanhe abaixo mais informações sobre a gestão e cadeia de suprimentos.

O Que é a Cadeia de Suprimentos

A cadeia de suprimentos está diretamente ligada à logística de uma empresa, ou seja, o modo como ela se organiza para que seja possível prestar as suas atividades, produzir os produtos oferecidos e promover a satisfação do público consumidor. De maneira teórica, a cadeia de suprimentos é definida como o processo da movimentação de bens dentro de uma empresa, considerando desde o pedido do cliente por meio da etapa da compra da matéria-prima, produção até a distribuição dos bens para os consumidores.

Basicamente, a cadeia de suprimentos é um conjunto de métodos que interdependem, carecendo da cooperação mútua para que cada ação seja controlada, gerenciada, aperfeiçoada e executada com sucesso.

A cadeia de suprimentos tem a função de alinhar todas as atividades de produção, compreendendo também o armazenamento e o transporte de maneira sincronizada, visando diminuir os custos e os ciclos, além de aumentar a satisfação do cliente final.

Qual é a Importância da cadeia de Suprimentos nos Processos da Empresa

Sua Ideia de Negócio é Lucrativa?

Saiba quais são as 5 Perguntas Poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais...

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!.

A cadeia de suprimentos é de fundamental importância para as empresas, “cuidando” de diversos objetivos importantes de forma organizada, impactando diretamente no faturamento do negócio.

Em primeiro lugar, o maior controle empregado na movimentação dos bens ajuda a reduzir os custos, evitando o desperdiço de recursos e prejuízos financeiros. Assim, a cadeia de suprimentos também auxilia a aumentar a eficiência e ampliar os lucros do negócio.

Além disso, a cadeia de suprimentos também é importante para reduzir os tempos de ciclos de produção, evitando atrasos nas encomendas, para melhorar a relação de satisfação entre os clientes e os fornecedores, permitindo que a empresa possa oferecer o melhor serviço pelo menor preço possível.

Como Fazer a Gestão da Cadeia de Suprimentos

cadeia de suprimento
Como fazer a cadeia de suprimentos de forma eficiete

Você quer melhorar a movimentação e uso dos suprimentos nas atividades da sua empresa? Com algumas dicas de gestão é possível promover uma melhoria eficiente. Aprenda abaixo como fazer a gestão da cadeia de suprimentos:

1- Tenha Mais Agilidade e Organização na Linha de Produção

O primeiro passo para fazer a gestão da cadeia de suprimentos é fazer o mapeamento de todos os seus processos, ou seja, de todas as etapas necessárias para entregar o produto final.

Nesta etapa, é preciso que o responsável levante o maior número possível de dados e informações sobre as etapas que fazem parte do seu processo de produção. Dessa maneira, é possível identificar quais são as suas fragilidade como, por exemplo, depender muito de um único fornecedor ou demora para finalizar os produtos.

2- Compartilhe a Cadeia de Suprimentos Com os Fornecedores

Não ter produtos disponíveis é um grande problema para as empresas, mas ter em excesso também, pois significa que o dinheiro está parado e você está com o estoque congelado.

A quantidade excessiva em estoque requer maiores custos e provavelmente pode gerar maiores perdas, principalmente para produtos perecíveis. Para evitar este problema você pode compartilha os seus sistemas de cadeia de suprimentos com os fornecedores, visto que eles são responsáveis por produzir e entregar de acordo com as suas necessidades, devendo atingir o estoque no nível adequado.

Para que esta etapa funcione é preciso fazer uso da tecnologia, permitindo que o fornecedor acesse à sua base de dados e possa fornecer de acordo com as suas carências. Os processos dos fornecedores e da empresa devem estar conectados, pois se não estiver em sincronia, podem haver falhas na demanda e na disponibilidade.

O uso de CRM e a automação do sistema de controle de estoque podem tirar dos “ombros” do empresário uma grande responsabilidade e, ao mesmo tempo, sobrar mais tempo para se dedicar para a administração da empresa. Claro, o empresário não poderá deixar o estoque à deriva, será preciso acompanhar, mas com menos frequência e preocupação.

3- Preveja as Demandas na Cadeia de Suprimentos

Uma maneira de gerenciar melhor a cadeia de suprimentos da sua empresa é fazendo a previsão das demandas, tanto internas quanto externas. A melhor forma de conseguir isso é analisando o histórico de vendas da empresa.

Sendo assim, para prever a demanda do mês de agosto, você deve verificar os números relativos à julho, fazendo comparativos de crescimento dos períodos anteriores para comprar na quantidade certa. Nesta previsão também é importante calcular a flutuação e a possibilidade de imprevistos.

4- Integre as Equipes da Empresa

Uma boa gestão de cadeia de suprimentos também inclui ter uma equipe de profissionais bem integrada. Toda a equipe deve estar a par dos processos necessários para que seja possível desenvolver e entregar o produto final ao consumidor. Dessa maneira, aumenta-se a eficiência dos processos e facilita o controle de todas as etapas, além de melhorar o planejamento das operações e alinhar com as vendas.

Quando as equipes estão integradas e trabalhando em conjunto dentro da empresa, não é apenas a cadeia de suprimentos que se torna mais organizada e eficiente, mas também os resultados e faturamento aumentam, devido a motivação para trabalhar, vendas, satisfação do cliente ao ser bem atendido, metas em conjunto, entre outros fatores.

Então, faça a integração de equipes e, de preferência, atualize seus sistemas informatizados de gestão e controle, normalmente, a falta de integração de equipes, cadeia de suprimentos e vendas ocorre pela desatualização dos softwares de CRM.

6- Use Só Um Software de Gestão da Cadeia de Suprimentos

Para ter mais controle sobre a cadeia de suprimentos é indicado usar um software de gestão único para todas as funções. Por isso, pesquise um software completo, integrado e que possa ser utilizado em todos os âmbitos do negócio. Assim, você pode garantir mais eficácia e agilidade, uma vez que todas as informações estão reunidas em apenas um local.

7- Analise o Desempenho dos Fornecedores

Os fornecedores são parceiros do seu negócio, logo, também são responsáveis pelo seu sucesso ou fracasso. Portanto, é recomendado analisar constantemente o desempenho dos fornecedores.

Como estão os preços oferecidos? São de acordo com a realidade da empresa? Permitem a redução de custos? Os produtos são de boa qualidade? Outro fornecedor possui mais vantagens? O ideal é, a cada 1 ou 2 anos, reavaliar fornecedores. Desse modo, você pode continuar com os bons fornecedores e trocar aqueles que não acrescentam benefícios aos seus negócios. 

Pronto para tomar cuidado com a sua cadeia de suprimentos e otimizar os resultados da sua empresa? Comente!

FIQUE ATUALIZADO!

Receba Sacadas de Negócios Diretamente no Seu E-mail!

DEIXE UMA RESPOSTA