Trabalhos em casa

0
1373

Trabalhos em casaMuitas pessoas procuram pela internet uma maneira de ganhar dinheiro ou de complementar seu salário/renda mensal e nessa busca desenfreada por renda e independência financeira, muitas pessoas se perguntam se realmente é possível obter renda através de trabalhos na internet ou feitos em casa. Existem muitos sites sérios, que realmente dão o trabalho e pagam conforme o que prometem; entretanto, também existem muitos sites que anunciam trabalhos em casa, mas que são verdadeiras emboscadas.

– Categorias de trabalho em casa:

Há três tipos principais de negócios que são buscados pelas pessoas:

1) Trabalho em casa: nesse tipo de trabalho busca-se uma tarefa que seja feita dentro da sua casa, não havendo necessidade de você sair dela para realizá-la. Há diversas maneiras de trabalhar em casa e adquirir renda; você pode se tornar um revendedor de cosméticos ou outros produtos, abrir um negócio online, produzir e comercializar artesanatos, etc. Entretanto, falando de trabalhos feitos pela internet, geralmente é aqui que mora o perigo; muitas pessoas não sabem exatamente que tipo de trabalho procurar dentro dessa categoria e acabam caindo em ciladas de sites que não cumprem o que prometem, e muitos acabam cobrando para você trabalhar ao invés de pagá-lo.

2) Marketing multinível (sistema em pirâmide): provavelmente você já deve ter sido abordado por algum amigo ou conhecido que lhe ofereceu “uma oportunidade única de ganhar renda extra” – slogan geralmente utilizado por eles. Geralmente nesse trabalho você precisa vender algum produto ou pelo menos convencer seu amigo/conhecido a ir a uma reunião da companhia. Note que a venda desses produtos e o poder de convencimento que você precisará ter para convidar seus amigos a participar desse negócio, necessitará que você saia algumas vezes da sua residência, portanto não é um tipo de trabalho feito exclusivamente em casa.

O marketing multinível funciona da seguinte forma: a empresa possui produtos que têm uma divulgação limitada ao número de pessoas que trabalham vendendo os mesmos. Dessa forma, a empresa necessita que os vendedores e representantes indiquem outras pessoas que desejam trabalhar, essas pessoas trabalharão da mesma forma e fazendo as mesmas coisas que a pessoa que as convidou. A partir desse convite, o amigo convidado pode aceitar ou não participar da empresa, e caso ele aceite, ele terá que vender os produtos e, se desejar obter mais lucro (e provavelmente desejará), convidar outros conhecidos e amigos interessados no mesmo negócio, e assim prosseguirá a rede: cada convidado convida outros, e esses outros convidam mais pessoas, e assim sucessivamente.

Sua Ideia de Negócio é Lucrativa?

Saiba quais são as 5 Perguntas Poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais...

PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!.

Essa rede gera renda geralmente dessa forma: a empresa oferece premiações em dinheiro por cada recomendação (de pessoas) e/ou por ter conseguido vender uma determinada quantia de produtos. Essa comissão é dada a todos os participantes a cada recomendação que ele faz, por isso, quem opta por entrar nessa rede geralmente irá querer convidar cada vez mais pessoas, já que ele receberá mensalmente uma determinada quantia em dinheiro por cada pessoa que recomendou.

Algumas redes não vendem necessariamente produtos, mas oferecem benefícios (seguros de vida, por exemplo) ao associado e cobram uma taxa de adesão somada a uma taxa mensal, como se a pessoa realmente estivesse comprando os benefícios que recebe. Entretanto essa é a única diferença desse tipo de rede para outras, pois o esquema de recebimento do estímulo mensal (R$) por cada recomendação continua sendo o mesmo.

Existem pessoas que concordam e outras que discordam de que o marketing multinível é considerado um sistema de pirâmide, devido a maior parte do dinheiro envolvido nesse negócio estar nas mãos das pessoas que o iniciaram ou que estão na empresa há muito tempo, já que acumularam um número absurdo de pessoas indicadas, somadas às pessoas que foram indicadas pelos indivíduos que indicaram, e assim sucessivamente.

3) Negócio próprio ou associado: aqui estarão pessoas que são fanáticas por obter independência financeira, e estarão sempre dispostas a correr riscos e investir em um negócio próprio ou associado ao de algum conhecido.

– Armadilhas na internet:

Muitos anúncios, principalmente na internet, possuem emboscadas, por isso esteja muito atento ao se deparar com esse tipo de “trabalho” – fuja dessas armadilhas. Para reconhecer que esses anúncios oferecem uma cilada ao invés de um trabalho você precisa analisar algumas coisas, como:

1. Qual a remuneração oferecida nesse anúncio? Geralmente o anúncio de um negócio-cilada não se compromete com uma remuneração; ao invés disso, ele insinua que você poderá ter renda sem tratar sobre como e por quem será efetuado esse pagamento. Desse modo, tenha certeza que, se ele não diz quanto você receberá pelo trabalho oferecido nem como a quantia será paga, o anúncio em questão não passa de uma grande mentira.

2. Eu deverei pagar uma taxa para iniciar o trabalho? Estranhe se o anúncio lhe cobrar uma quantia em dinheiro para você começar a trabalhar. Geralmente essa quantia é mascarada pela “empresa” e é cobrada prometendo livros/manuais de recomendações ou algo parecido. Parece uma dica bem óbvia, já que a empresa cobra para você trabalhar ao invés de oferecer um pagamento, entretanto muita gente cai nesse tipo de armadilha.

3. Essa empresa realmente existe? Nesses anúncios geralmente você observa um endereço ou email, mas dificilmente se encontrará um nome de empresa ou de alguém responsável por ela e quando se encontra, a empresa não tem nenhum site disponível e nem existe na lista telefônica, ou seja, você não consegue identificar nem localizar a empresa de maneira alguma. Você acha que isso acontece por acaso? Claro que não!

– Algumas opções para você trabalhar em casa:

Ganhar dinheiro sem sair de casa pode parecer simples, devido o conforto que você tem no seu lar, mas não é. O trabalho em casa exigirá dedicação, domínio e esforço como qualquer outro trabalho, e você precisará oferecer um produto/serviço, que você tenha habilidade de criar ou desenvolver, a um público que esteja disposto a pagar por ele, a um preço que lhe traga retorno e lucro. Em suma, não há muita diferença de outros tipos de trabalhos, pois é necessário escolher um mercado que tenha demanda suficiente para dar continuidade ao seu negócio, trabalhar arduamente, se arriscar e investir.

Aqui estão algumas maneiras de você angariar renda extra, sem sair de casa, que realmente podem funcionar. Mas lembre-se de sempre pesquisar a respeito da idoneidade da empresa, caso você opte trabalhar para uma via internet.

1. Trabalhe redigindo artigos para sites na internet;

2. Trabalhe corrigindo/revisando e postando artigos em blogs;

3. Gerencie uma creche local na sua casa, caso haja espaço e estrutura para comportar um determinado nº de crianças;

4. Venda pizzas prontas ou pré-assadas (se você não sabe como fazer pizzas, isso não é problema; hoje em dia se aprende de tudo na internet);

5. Ofereça seus serviços na internet (coisas que você possui habilidade pra fazer);

7. Trabalhe em casa monitorando ou agenciando uma loja virtual (adquira ou elabore produtos e venda-os na internet);

8. Produza e venda artesanatos (caso você tenha habilidades artísticas, escolha a que público seus produtos se destinarão, elabore e comercialize suas artes);

9. Seja um cuidador de animais na sua casa (se sua casa é espaçosa e você gosta de animais, cuidar deles é uma ótima opção – tem gente que paga por isso).



FIQUE ATUALIZADO!

Receba Sacadas de Negócios Diretamente no Seu E-mail!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here